• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Paraná vive o cenário mais crítico desde o início da pandemia 📣


O estado do Paraná vive um dos piores momentos desde o início da pandemia de coronavírus. Em uma semana, o cenário passou de regular para extremamente crítico. O avanço da doença, tem refletido na superlotação dos leitos de UTI na rede pública e privada.


Atualmente, 504 pessoas aguardam vagas em hospitais em todo o estado, sendo 203 para leitos de Unidade de Terapia Intensiva e 301 para os leitos de enfermaria. Para desafogar a saúde no Paraná, foi anunciada a abertura de 99 novos leitos de UTI e 157 para enfermaria, mesmo assim, a medida não será o suficiente para atender toda a demanda. Além disso, a SESA confirmou mais de 17 casos de variantes da Covid-19 no Paraná, o que agrava ainda mais, o cenário atual.


Diante dessa nova realidade, que reflete na falta de leitos na região para tratamento da doença, o Centro de Triagem de Santa Terezinha de Itaipu recebe ampliação na estrutura passando para 8 o número de leitos de enfermaria. Estão sendo ampliados os locais reservados para a coleta de exames, tratamento de casos leves, necrotério e a recepção.


“Os elevados índices da Covid-19 e a gravidade dos casos registrados nos últimos dias, trouxe a necessidade de ampliação desses ambientes para garantir o atendimento e a segurança da população que necessita dos serviços. Os hospitais da região não têm mais vagas para acomodar os pacientes em UTIs, a situação é preocupante, mas estamos buscando meios para amenizá-la dentro do cenário atual”, disse o secretário de Saúde, Fabio de Mello.


Fonte de dados do PR: Secretário do Estado do Paraná, entrevista ao G1 PR e RPC Curitiba, em 27/02/2021.

3 visualizações0 comentário
Azul.png
Logo_Rádio_Mundial.png