• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Já garantiu seu ingresso para o Parque das Aves?


Além de intensificar todos os protocolos de distanciamento social contra o Covid-19, Parque limitou a entrada para até 3.500 visitantes. Ingressos devem ser comprados pelo site ingressos.parquedasaves.com.br

Para retomar as atividades turísticas após o período de isolamento social provocado pela Covid-19, o Parque das Aves adotou todos os protocolos de segurança sanitária estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu.


Além dos itens básicos de segurança, que passam a fazer parte da rotina do atrativo, como medição de temperatura, totens com álcool em gel espalhados para facilitar a higienização das mãos, delimitações para distanciamento de 2 metros e uso constante de máscaras tanto de colaboradores como de clientes, o Parque também opera com capacidade reduzida de até 3.500 visitantes por dia.


Outras medidas complementares também foram implantadas, como a montagem de uma barreira sanitária, com tapete sanitizante, e mudança no sistema de abertura das portas dos viveiros de imersão, que agora abrem no sentido do percurso, possibilitando que as pessoas usem cotovelos ou pés para abri-las.


Segundo Jurema Fernandes, diretora administrativa do Parque das Aves, os visitantes que vierem ao atrativo nessa época de fim de ano devem comprar seus ingressos pelo site ingressos.parquedasaves.com.br. “Dessa maneira, o visitante não pega filas, evita aglomeração e garante o dia e hora da visita, pois temos a limitação de 220 visitantes por horário”, diz.


Vale lembrar que o passeio todo é feito ao ar livre, em aproximadamente 2 quilômetros de trilhas em meio à Mata Atlântica, o que reduz significativamente uma possível contaminação. Mesmo assim, o uso de máscaras é obrigatório durante todo o passeio, inclusive para tirar fotos e fazer vídeos.


“Apenas crianças até 5 anos não têm obrigatoriedade de uso de máscara, segundo a OMS. Mas a partir de 6 anos já estamos exigindo a máscara, que deve estar bem posicionada sobre a boca e nariz do visitante durante todo o tempo de visita. Nas áreas de restaurante, as mesas estão bem distanciadas, assim o turista pode aproveitar seu lanche ou bebida em segurança”, acrescenta Jurema.


Além de todas as adaptações durante a trilha, e venda de ingressos limitada e online, o Parque das Aves voltou a abrir às segundas-feiras para dar mais uma opção de data para os visitantes. “O Parque das Aves abre todos os dias do ano, inclusive nos finais de semana e feriados, das 9h às 17h. Então o visitante pode optar por dias e horários alternativos para sua visita”, diz Jurema.

*Ingressos online*

Como todos os anos, a procura por ingressos nesta época de alta temporada é grande, então a orientação é que os visitantes comprem as entradas com antecedência, no site ingressos.parquedasaves.com.br, para garantir a data e horário da visita. O pagamento pode ser feito com o cartão de crédito.


Jurema lembra que é possível comprar ingressos na bilheteria, mas a executiva desaconselha a compra diretamente no Parque nesta época do ano, pois o horário que o visitante deseja pode não estar disponível, já que os ingressos são limitados por horário.


“Com ingressos limitados, o melhor a fazer é garantir a vaga no horário desejado. E para facilitar a entrada dos visitantes, não é necessário imprimir o ingresso, pois o bilhete vai para o e-mail cadastrado e o visitante pode apresentar pelo celular no início do passeio”, diz Jurema.

*Certificação Sanitária*

Foz do Iguaçu, um dos mais importantes destinos turísticos do país, saiu na frente e implementou protocolos rígidos de segurança em todos os seus atrativos. Os turistas já podem visitar o destino com a confiança de estarem cumprindo todas as exigências para a proteção contra a Covid-19.

0 visualização0 comentário
Azul.png
Logo_Rádio_Mundial.png

TORRE MARECHAL

Rua Marechal Floriano Peixoto, 960

Centro - Foz do Iguaçu / PR,

CEP: 85010-250

Salas: 53 e 54 - 5° Andar

Telefone: (45) 3526-1248

© 2020 . ORGULHOSAMENTE CRIADO POR AGÊNCIA LUDKUS