• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Inter vence Grêmio de virada, quebra jejum no clássico e aumenta sua vantagem na liderança do Brasil


Internacional e Grêmio fizeram o GreNal 429 pela 32ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio. Em uma partida em que Colorado perdeu chances, o Tricolor foi crescendo aos poucos e insistindo até conseguir abrir o marcador no segundo tempo. Mas a entrada de Abel Hernández promovida por Abel Braga fez a diferença. O uruguaio empatou o duelo com 12 minutos em campo. E o imprevisível clássico ainda contou com um tempero nos minutos finais com gol de pênalti de Edenílson, que fechou o placar em 2 a 1.


Com a vitória, o líder Internacional deu fim a um jejum de 12 partidas sem superar seu maior rival, chegou a 62 pontos e abriu quatro de diferença para o São Paulo, que só empatou com o Coritiba na rodada. O Grêmio, por sua vez, permanece com 51 pontos e vê as chances de título mais remotas.


COMEÇO COM PERIGO E LAMBANÇA


Aos dois minutos de jogo, quase o Internacional abre o placar. Após lateral, Rodrigo Dourado ajeitou para Praxedes que soltou a bomba. Vanderlei salvou o Grêmio. Mais tarde, o goleiro do Tricolor foi cobrar o tiro de meta e chutou errado, Yuri Alberto tentou pegar a bola, mas Geromel conseguiu recuperar e jogou para escanteio.


JOGO CALMO E SEM AGRESSIVIDADE


Tanto Internacional quanto Grêmio foram cautelosos e não arriscavam tanto evitando erros mínimos que podiam decidir o clássico. A troca de passe e a movimentação se sobressaíram até a parada técnica aos 25 minutos de jogo, mas ainda faltava agressividade para ter lances que levassem perigo para ambos os lados.


Somente aos 28 minutos, a partida voltou a ter um lance de perigo com Yuri Alberto, que recebeu de Edenílson, tentou o lance individual na área e no chute Geromel deu carrinho e cortou o perigo para Vanderlei.


NO TRAVESSÃO!.


Aos 34 minutos, mais uma chegada do Internacional com Yuri Alberto. Edenílson deu uma linda enfiada entre a zaga do Grêmio para Praxedes, que não conseguiu dominar e a bola sobrou para o camisa 11 chutou no travessão.


PREOCUPAÇÃO


Pedro Geromel tentou fazer um domínio de bola aos 38 minutos e ao colocar os pés no chão, o zagueiro sentiu fortes dores no tornozelo esquerdo e já caiu com semblante de choro. Ele não conseguiu se manter em campo e foi logo substituído por Rodrigues.


INTER VOLTOU MELHOR


Com a bola rolando após o intervalo, o Internacional começou pressionando o Grêmio para tentar fazer o gol ainda no início da etapa. Em três minutos, dos sete aos 10, o Internacional deve três boas chances de marcar. A melhor delas foi com Peglow, que recebeu cruzamento na pequena área e chutou por cima de Vanderlei.


OLHA O GRÊMIO AI


A partir dos 10 minutos, o Grêmio conseguiu neutralizar as descidas em contra-ataques do Inter e passou a criar lances de perigo, algo que estava em falta até então no jogo. Lucas Silva chutou de fora da área e passou perto do gol de Lomba. Minutos mais tarde, Diego Souza recebeu de Pepê e arriscou de bate-pronto, Lomba voou para defender.


O Inter perdeu forças e o Grêmio passou a ocupar o setor ofensivo. Diego Souza teve outras duas grandes oportunidades. O artilheiro tabelou com Jean Pyerre, levou para perto da área e tentou o chute por cobertura aos 26 minutos. A bola passou perto do gol de Lomba. No ataque seguinte, Diego recebeu o cruzamento e cabeceou com muito perigo.


INSISTÊNCIA E GOL


O Grêmio confirmou a superioridade no jogo com gol de Jean Pyerre. Diogo Barbosa levou com velocidade e cruzou. Diego Souza apenas ajeitou com carinho para o camisa 10 abrir o placar.


EMPATE NO FIM


Abel Braga viu a necessidade de mudar o ataque ao ver a mudança de postura da sua equipe. Por isso colocou Abel Hernández aos 33 minutos e aos 45, o uruguaio recebeu um cruzamento na medida de Cuesta e testou firme para empatar.


PÊNALTI PARA O INTER


Luiz Flávio de Oliveira viu pênalti após a bola bater no braço de Kannemann, que causou revolta nos jogadores do Grêmio. Edenílson chamou a responsabilidade e virou a partida aos 52 minutos.


O Internacional voltará a campo no próximo domingo, contra o Red Bull Bragantino, às 18h15, no Beira-Rio. Já o Grêmio atuará na quinta, contra o Flamengo, às 20h, em Porto Alegre, em partida atrasada da 23ª rodada.


FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 X 1 GRÊMIO - 32ª RODADA DO BRASILEIRO

Estádio: Beira-Rio, no Rio Grande do Sul (RS)

Data: 24 de janeiro de 2021, às 16h

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa-SP)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa-SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Árbitro de vídeo: Wagner Reway (PB)

Gramado: Bom

Cartões amarelos: Moisés (INT); Diego Souza (GRE)


GOLS: Jean Pyerre, 30'/2ºT (0-1); Abel Hernández, 45'/2ºT (1-1) e Edenílson, 52'/2ºT (2-1)


INTERNACIONAL (Técnico: Abel Braga)

Marcelo Lomba; Rodinei, Lucas Ribeiro, Victor Cuesta e Moisés (Uendel, aos 39'/2ºT); Rodrigo Dourado (Nonato, aos 39'/2ºT), Edenílson, Praxedes (Marcos Guilherme, aos 33'/2ºT), Patrick (Abel Hernández, aos 33'/2ºT) e Peglow (Maurício, aos 11'/2ºT); Yuri Alberto.


GRÊMIO (Técnico: Renato Gaúcho)

Vanderlei; Victor Ferraz, Pedro Geromel (Rodrigues, aos 39'/1ºT), Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva (Maicon, aos 27'/2ºT) Matheus Henrique e Jean Pyerre (Pinares, aos 39'/2ºT); Alisson (Luiz Fernando, aos 26'/2ºT), Diego Souza e Pepê (Ferreira, aos 27'/2ºT).

2 visualizações0 comentário
Logo_Rádio_Mundial.png