• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Famílias de Boa Vista da Aparecida recebem a chave da casa própria


O empreendimento é voltado para população mais carente do município. O investimento é de R$ 1,3 milhão com recursos da Itaipu Binacional.


Vinte famílias que viviam em situação precária no em Boa Vista da Aparecida, município da região Oeste do Paraná, receberam as chaves da casa própria. A entrega das moradias, nesta terça-feira (27), contou com a participação de representantes do Governo do Estado, prefeitura e da Itaipu Binacional, que foram parceiros na viabilização do projeto que somou cerca de R$ 1,3 milhão de investimentos.


FACILIDADES – Os moradores do Residencial Itaipu terão escolas, creches e farmácias a poucas quadras de casa. Pintadas nas cores branca, verde e azul, as moradias representam uma mudança de vida para os contemplados. São pessoas que sozinhas não conseguiriam realizar o sonho de ter um espaço próprio, por conta das dificuldades financeiras.

É o caso do Julio Cesar, de 39 anos, que foi contemplado para morar com sua esposa e duas filhas no residencial. Ele era operador de máquinas e morava em um sítio com familiares até sofrer um grave acidente, em que perdeu praticamente todos os movimentos do corpo. A esposa também não pode trabalhar fora, pois precisa auxiliá-lo em tempo integral.

“Nós morávamos em uma de cedida de madeira e com pouco espaço, então conseguir uma casa própria sempre foi um sonho, mas depois do acidente isso ficou cada vez mais distante”, conta. “Ser contemplado foi uma benção de Deus. Poder proporcionar para as minhas filhas um lar é um sonho realizado”, comemora Julio.

Outra beneficiada foi a auxiliar de produção Ivanete do Rosário, 37. Atualmente desempregada, ela pode comemorar a mudança para uma casa própria após passar mais de 15 anos pagando aluguel. “Eu pagava R$ 350 de aluguel, e é um dinheiro que faz muita falta, ainda mais com filho pequeno, então eu trabalhava só pra pagar as contas”, completa.

Ao falar sobre a conquista, ela não esconde a emoção com a perspectiva de um futuro melhor. “Não tem definição o que eu estou sentindo porque é uma felicidade que não cabe no meu coração”. “É um sonho concretizado depois de muitos anos, e eu espero que a minha vida mude 100% daqui pra frente”, disse Ivanete.


RESIDENCIAL – A obra foi executada em 15 meses pela construtora Brandelero, contratada pela Cohapar via licitação. As casas possuem modelos de 32 e 49 metros quadrados, com unidades adaptadas. Os imóveis contam com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço externa, além de já preverem em seus projetos arquitetônicos a possibilidade de ampliações futuras.

O projeto faz parte de um convênio entre Cohapar e Itaipu, com investimentos de aproximadamente R$ 20 milhões para a construção de 320 unidades habitacionais em 18 municípios das regiões Oeste e Sudoeste do Paraná.

De acordo com a chefe do escritório regional da Cohapar Lucilei Marchiori, a iniciativa acaba tendo grande impacto em Boa Vista da Aparecida por atender as famílias mais carentes do município. “São pessoas de baixíssima renda que residiam em locais insalubres, então a entrega aconteceu num momento oportuno, principalmente neste período de pandemia em que muitos perderam a pouca renda que tinham”, avalia. 

0 visualização
Azul.png

TORRE MARECHAL

Rua Marechal Floriano Peixoto, 960

Centro - Foz do Iguaçu / PR,

CEP: 85010-250

Salas: 53 e 54 - 5° Andar

Logo 1.png

Telefone: (45) 3526-1248

© 2020 . ORGULHOSAMENTE CRIADO POR AGÊNCIA LUDKUS