• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Elon Musk afirma que Tesla apresentará protótipo de robô humanoide em 2022


Musk está entre os empresários que alertam que a tecnologia pode eliminar o emprego de muitas pessoas, portanto, alguns humanos precisarão de outras ocupações


Elon Musk anunciou na noite desta quinta-feira (19), durante evento sobre Inteligência Artificial da Tesla (AI Day), que a empresa está construindo um robô humanoide e provavelmente terá um protótipo no próximo ano.


"Basicamente, a ideia era que esse robô começasse a substituir seres humanos em trabalhos entediantes, repetitivos e perigosos", disse Musk sobre o novo empreendimento da Tesla. "Qual é o trabalho que as pessoas menos gostariam de fazer?"



Musk não disse se seria vendido ou por quanto. O robô terá uma tela posicionada onde o rosto humano estaria para exibir "informações úteis", afirmou.


O executivo defendeu que um robô como esse teria um impacto "profundo" na economia. Ele disse que o trabalho físico seria uma escolha no futuro, e uma renda básica universal seria necessária. Musk está entre os líderes do Vale do Silício que alertam que a tecnologia pode eliminar o emprego de muitas pessoas, portanto, alguns humanos precisarão de outra fonte de renda. "Mas não agora porque este robô não funciona neste nível", acrescentou Musk.


Robôs parecidos com humanos há muito tempo fascinam a cultura pop. Mas criar um que pode realizar tarefas humanas provou ser incrivelmente difícil. A inteligência artificial melhorou rapidamente, mas permanece muito aquém das habilidades gerais até mesmo de uma criança humana. As aplicações da robótica têm sido restritas a tarefas básicas em ambientes simples, como carregar mercadorias em uma fábrica ou aspirar autonomamente uma casa.


O trabalho inovador de Musk na Tesla e na SpaceX revolucionou as indústrias automotiva e espacial. Mas ele também ganhou a reputação de perder prazos e prometer muito. Musk não atendeu a muitas promessas agressivas de quando os veículos autônomos da Tesla estariam prontos para uso comercial em massa.


O National Highway Traffic Safety Administration está investigando a segurança do software de direção autônomo da Tesla, e dois senadores dos EUA pediram à Comissão Federal de Comércio para investigar se o marketing da Tesla de seu software de direção autônoma é enganoso.


Musk descreveu o robô como uma extensão do trabalho de Tesla para construir veículos autônomos. O robô usará o mesmo chip de computador e navegará com oito câmeras, não diferente dos veículos da marca. Em termos de dimensões, terá 1,70m, pesará 56kg, será capaz de carregar 20kg e se moverá a uma velocidade de 8km/h.


"Você pode falar com ele e dizer 'por favor, pegue esse parafuso e prenda-o a um carro com essa chave', e ele deve ser capaz de fazer isso", disse. “'Por favor, vá até a loja e compre os seguintes mantimentos.' Esse tipo de coisa. Acho que podemos fazer isso." Musk afirmou ainda que começaria dando ao robô cinco dedos em cada mão, mas isso pode mudar.


Segundo o executivo, a Tesla queria mostrar que é mais do que uma empresa de carros elétricos. Vários de seus funcionários fizeram apresentações promovendo a experiência de Tesla em inteligência artificial, que é essencial para o desenvolvimento de carros autônomos ou de um robô humanoide. Musk também brincou que o robô seria amigável. "Esperamos que isso não apareça em um filme de ficção científica distópico", disse.


Ele respondeu ainda a uma pergunta do público sobre como a montadora poderia tornar o robô parte de seus negócios. “Eu simplesmente não vejo como reproduzir isso começando com um supercarro, ou seja, entrando no segmento inferior do mercado”, disse o questionador. "Como você faz isso se tornar um robô humanoide?"


"Bem, acho que você terá que esperar para ver", disse Musk.

4 visualizações0 comentário
Logo_Rádio_Mundial.png