• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Doses de esperança: Santa Terezinha de Itaipu inicia vacinação contra a Covid-19


A campanha de imunização contra a Covid-19 foi lançada nesta quarta-feira, 20, com o ato de imunização de duas profissionais da área de saúde pertencentes à primeira fase de vacinação determinada pelo Governo do Estado do Paraná. O evento foi realizado na sede da Unidade Básica de Saúde da região central de Santa Terezinha de Itaipu e contou com a presença da prefeita Karla Galende, do vice Vanio Morona, do chefe de Endemias da 9ª Regional de Saúde, Carlos Alberto dos Santos, da coordenadora de Imunização da 9ª Regional, Clarice Soares, dos profissionais de saúde e servidores públicos municipais.


A auxiliar de enfermagem, Rosali Bernardete Ductra, que atua há 25 anos no município foi a primeira profissional de saúde imunizada. “Esse é um dos momentos mais aguardados por todos nós. É uma emoção muito grande ser a primeira pessoa imunizada. E peço a todos: tomem a vacina. A vacina é vida”, disse emocionada.


Após receber a primeira dose da CoronaVac, Rosali imunizou sua colega de trabalho Marizete Moro, que há 30 anos atua na área de saúde. “Não esperava que a vacina chegasse tão rápido, estou muito feliz por mim e por toda a população itaipuense. Afinal, nós sabemos que essa é uma doença grave e a vacina é uma luz no fim do túnel. Com certeza vamos sair vitoriosos dessa”, destacou.


Durante o ato, a prefeita Karla Galende, agradeceu o empenho dos profissionais da saúde, assim como dos primeiros imunizados. “Chegamos a um dia muito importante. Essa é uma grande vitória da ciência, dos profissionais de saúde que vem trabalhando incansavelmente para salvar vidas e de toda população. Esse é sem dúvidas, um momento histórico para o nosso município”.


Plano Estadual de Imunização – Nesta primeira fase, as doses disponíveis para Santa Terezinha de Itaipu abrangerão os profissionais da saúde que aplicarão o imunizante e os profissionais que atuam diretamente com os pacientes com suspeita de Covid-19 ou confirmados. Diante disto, o município está na expectativa para receber as próximas doses, que ainda contemplarão a primeira etapa, e que devem ser autorizadas pela Anvisa.

2 visualizações0 comentário
Logo_Rádio_Mundial.png