• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Dono da Precisa Medicamentos diz que depoimento dos irmãos Miranda possui ‘mentiras e devaneios’


O dono da Precisa Medicamentos, o empresário Francisco Maximiano, enviou um vídeo aos senadores da CPI da Covid rebatendo as falas de Luis Ricardo Miranda, chefe da divisão de importação do Ministério da Saúde, e o seu irmão, deputado federal Luis Miranda. Maximiano aponta que o depoimento dos irmãos Miranda possui “mentiras e devaneios”.


“Os senhores vão ver que a mentira foi dita em rede nacional para todos os brasileiros. Seja pela perícia no Dropbox, e-mails e metadados do arquivo, seja pela cronologia das mensagens trocadas entre os irmãos Miranda e as enviadas aos ajudantes de ordem do presidente da República, está claro. Escolham a palavra: mentira, invenção, ficção, devaneios desses senhores que vieram a depor nessa CPI”, afirmou o empresário.


Francisco Maximiano deveria depor na última quinta-feira (1º) sobre o caso do contrato da Covaxin. O depoimento do empresário, no entanto, foi adiado pelos senadores. Por isso, Maximiano decidiu gravar um vídeo com o seu ponto de vista e encaminhá-lo à CPI.


A Precisa Medicamentos é a empresa responsável por intermediar as negociações da vacina Covaxin, desenvolvida pelo laboratório indiano Bharat Biotech. Na última sexta-feira (25), os irmãos Miranda apontaram supostas irregularidades envolvendo esse contrato. Logo após o ocorrido, o ministro da Secretaria Geral da Presidência da República, Onyx Lorenzoni, desmentiu todas as acusações.

4 visualizações0 comentário
Logo_Rádio_Mundial.png