• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Diretoria de Bem Estar Animal prevê ampliação do programa de castração


_Parcerias com universidades darão suporte ao funcionamento do Castramóvel. Mais de 4 mil cães e gatos foram castrados nos últimos anos em Foz_


Entre as prioridades da recém-criada Diretoria de Bem Estar Animal, integrada à Secretaria Municipal de Meio Ambiente, está a continuidade e ampliação do programa municipal de castração, por meio de parcerias com universidades que possuem o curso de medicina veterinária.


De 2018 até agora, 3.475 cães e gatos passaram pelo procedimento gratuitamente, além de 553 animais castrados pelo Governo do Estado em parceria com o município, totalizando 4.028 animais. A Prefeitura de Foz possui um Castramóvel, adquirido no final de 2020, que permite a realização das cirurgias.


A ideia, de acordo com a diretora de Bem Estar Animal, Mariam Abbas Melhem, é firmar convênios com universidades que têm o curso de medicina veterinária, e disponibilizar o castramóvel para os procedimentos.


“Ainda precisamos firmar os convênios, que devem ser aprovados pelo Conselho Regional de Medicina Veterinária e licitar os insumos. No momento, o Castramóvel encontra-se na Secretaria de Saúde. Logo que efetuarmos as parcerias, ele virá para a Secretaria de Meio Ambiente e ficará sob a responsabilidade da Diretoria de Bem Estar Animal”, explicou.


Conforme previsto na Lei Complementar nº 309/2019, têm prioridade nas castrações os animais que pertencem a população de baixa renda e protetores de animais devidamente cadastrados no município.


“Já tivemos conversas para estreitar relações e verificar a existência de interesse por parte das faculdades. Com a UniAmérica também estamos analisando a possibilidade e interesse da instituição para uma parceria em uma futura clínica veterinária popular”, adiantou a diretora.


Além das parcerias, o início desta nova fase do programa depende da compra de insumos para as castrações. Por esse motivo, o cadastramento de novos animais ainda não foi aberto. “Quando começar o cadastro, faremos uma ampla divulgação para a imprensa através das redes sociais e do site da Prefeitura. É provável que este processo ocorra somente de forma on-line, como já acontecia”, ressaltou Mariam.


*Por que castrar?*


Desde 2018 o governo municipal vem executando castrações em cães e gatos, por meio do credenciamento de clínicas veterinárias.


A castração contribui para que o animal tenha uma vida mais saudável, evita a procriação e o número de animais abandonados nas ruas. Nas fêmeas – cadelas ou gatas – a castração diminui o risco de desenvolver câncer de mama. No macho, a castração evita o desenvolvimento do câncer de próstata e ele fica menos agressivo, pois perde a necessidade de cruzar e de marcar território.


Link: https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia-47433

0 visualização0 comentário
Azul.png
Logo_Rádio_Mundial.png