• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Comissão de Transporte da Câmara entrega relatório de trabalho


A Comissão de Transporte da Câmara entregou mais um relatório parcial dos trabalhos nesta terça-feira, 15 de junho. O Vereador Edivaldo Alcântara usou a tribuna durante a palavra livre para abordar o histórico do problema do transporte na cidade e as ponderações feitas pela Comissão até o momento.


“A frota foi reduzida. O que se constatou é que havia interesse na manutenção da greve para pressionar o Executivo. Após o tempo de greve, a situação se agravou e o salário dos trabalhadores ficou atrasado. Essa comissão, prevendo o pior, passou a buscar alternativas. A gente se reuniu com o Licério, do Foztrans, para buscar alternativas. É um absurdo o que está acontecendo de as pessoas terem de pagar aplicativo de transporte para ir ao trabalho. A questão do aumento da tarifa foi decisão judicial, o prefeito teve de acatar”. O vereador Galhardo (Republicanos) também se posicionou. “O Consórcio está gerando uma instabilidade, uma insegurança”.


O relatório destaca as ações da comissão até o momento. Entre as atividades, realizaram reuniões com Executivo, pedindo inclusive fiscalização da situação; Foztrans e recentemente com a OAB, buscando soluções para o impasse do serviço no município. No documento, os vereadores destacam o não cumprimento da frota exigida na última liminar judicial. A presidente da Comissão Especial, vereadora Anice Gazzaoui (PL), ressaltou que “a Câmara não está inerte frente a todos os problemas que a cidade tem enfrentado no que se refere ao atendimento do transporte coletivo à população”.


https://bit.ly/3gGJT86

3 visualizações0 comentário
Logo_Rádio_Mundial.png