• REDAÇÃO GM Brasil Notícias

Comissão da Câmara que estuda imóveis foreiros se reúne e define função dos membros


A Vereadora Protetora Carol (PP) assumiu a presidência e vereador Kalito a relatoria; ideia é fazer levantamento desses imóveis em Foz


A Comissão Especial que estuda os imóveis definidos como foreiros, em Foz do Iguaçu, realizou primeira reunião oficial na manhã desta quinta-feira, 29 de abril, para definir a função dos membros. A vereadora Protetora Carol Dedonatti (PP) ficou como presidente, o vereador Kalito (PSD) como relator e o vereador Valdir de Souza “Maninho” como membro.


Imóveis foreiros são aqueles em que a pessoa atua como dona do lugar, cuidando da manutenção, pagando impostos, mas ela não é de fato proprietária. Quem reside no imóvel paga um foro anual e laudêmio (taxa quando se realiza transferência da propriedade).


A ideia central é propor um estudo, um levantamento histórico, desses imóveis definidos como foreiros pertencentes à União, Estado e Município na cidade de Foz do Iguaçu. O objetivo é desburocratizar e propiciar maior desenvolvimento da cidade.


A Comissão decidiu solicitar informações via ofício a algumas instituições: Cartórios, Incra, Itaipu, Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Paraná (Creci), Prefeitura e Secretaria do Patrimônio da União (SPU). E, posteriormente, de posse de alguns documentos que vierem em resposta aos ofícios, os vereadores devem definir os encaminhamentos seguintes.


https://bit.ly/3dZR3nI

11 visualizações0 comentário
Azul.png
Logo_Rádio_Mundial.png